Notícias
 

 

 
 
             
I
Noticias
 

MANHUMIRIM RECEBE PREFEITOS PARA A REUNIÃO SOBRE A BACIA DAS ÁGUAS


O Comitê da Bacia Hidrográfica Águas do Rio Manhuaçu realizou reunião no Plenário Oswaldo Frossard, da Câmara M. de Manhumirim, no último dia 25. Integraram a mesa de honra o Presidente do Comitê, Senisi Rocha; Presidente da Câmara Municipal, Roberto Belarmino; Prefeito de Manhuaçu, Nailton Heringer; Secretário M. de Administração, Luciano Borchio (rep. da Prefeita Darci Braga); Vice-presidente do Comitê, Genilson Tadeu Silva; Secretária-executiva Isaura Paixão, e a Secretária executiva adjunta, Flávia Herculano (Cooperativa Aguapé – Manhumirim).

Também presentes os Prefeitos José Carlos Pereira (Luisburgo), Marinalva Ferreira (Simonésia) e Ademir Conrado (Martins Soares); Vereadores de Manhumirim: Hélio Mendonça e João da Casa Franco; Secretário M. do Meio Ambiente, Dhiarles Braga, Diretor do SAAE, Frederico Franco, e o presidente do CODEMA, Frances Ley Melo, e Kildaire Brandão (IEF), além de secretários municipais e representantes de órgãos ambientais de outras cidades que também compõem o comitê.


Oito municípios foram contemplados com a edição impressa luxo do PMSB (Plano Municipal de Saneamento Básico), durante a solenidade. Estes municípios cumpriram todas as metas estipuladas no planejamento para a implantação do Plano Municipal de Saneamento Básico, no decorrer do ano. A publicação foi elaborada pela Vallenge Consultoria de Projetos e Obras e apresenta diagnósticos e ações a serem executadas em cada cidade, no que diz respeito à destinação e reciclagem do lixo, abastecimento de água, drenagem da água pluvial e rede de esgoto. Os municípios que implantaram com sucesso todas as etapas do plano no ano de 2015 foram: Luisburgo, Chalé, Durandé, Reduto, São José do Mantimento, Manhuaçu, Simonésia e Martins Soares.


O presidente do Comitê, Senisi Rocha, disse que os planos de saneamento básico foram frutos de um investimento de mais de três milhões custeados pelo CBH: “Ainda vamos contemplar mais oito municípios, lembrando que há aqueles que estão fazendo seus planos através da FUNASA (Fundação Nacional de Saúde)”. A Bacia Hidrográfica Águas do Rio Manhuaçu e seus afluentes atingem 23 municípios e o comitê tem realizado trabalhos em diversas frentes.


Senisi Rocha avaliou esta reunião, considerando que ‘foi bastante significativa com a presença representativa dos segmentos, sociedade civil, poder público e os usuários. Fechamos o ano com chave de ouro. Estou assumindo agora e destaco o trabalho importante da ex-presidente Isaura Paixão. Foi o melhor ano do CBH Manhuaçu com a entrega dos planos de saneamento básico para oito municípios e já contratamos outros oito para mais cidades que serão contempladas’, anunciou. Senisi destacou que a escassez de água tem despertado a atenção por causa da falta do recurso natural e lembrou que esta situação começou a ser avisada há vinte anos, mas as pessoas não acreditaram e o problema chegou antes do que se imaginava. ‘Retiramos muito mais água do que devolvemos aos lençóis subterrâneos, por isto a situação está ficando séria.

Deveríamos ter investido mais, principalmente nas propriedades rurais, criando meios de alimentar mais o lençol freático. [...] Teríamos as nascentes mais perenes e abastecendo nossas comunidades com tranquilidade, mas não fizemos o dever de casa e o desafio agora é compensar este atraso. Quando tem chuvas, todo mundo esquece, mas, quando vem a escassez no abastecimento todo mundo se alarma. É hora de termos mais responsabilidade com o meio ambiente e principalmente com o uso racional da água.”


O Secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Manhumirim, Dhyarles Braga disse que o PMSB de Manhumirim está sendo feito através da FUNASA. A Câmara está elaborando um Projeto de Lei para combater o desperdício de água no Município (de autoria do Presidente Roberto Belarmino – Bob) e envolverá ainda uma campanha educativa. Na Câmara de Vereadores, a escassez hídrica tem sido assunto constante nas sessões legislativas, juntamente com outras pautas como saneamento básico, recuperação de nascentes e consciência ecológica. Todos estão unidos por esta causa prioritária, de sobrevivência.


Texto Viviana Almeida

Fotos Thomaz Jr.

 

 

Oito municípios cumpriram todas as metas estipuladas para o ano e foram contemplados com a edição luxo do Plano M. de Saneamento Básico.


Mesa Diretora da reunião realizada no plenário da Câmara M. de Manhumirim.

Representantes de mais de vinte municípios integrantes

 

Jornal Boca do Povo - DIREÇÃO JOÃO ROSENDO - Copyright 2010 - Todos os direitos reservados