Notícias
 

 

 
 
             
I
Noticias
 

JOÃO MAGALHÃES DIPLOMADO PELO TRE


João Magalhães assume em 2015 seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. É deputado federal cumprindo seu quinto mandato consecutivo. No primeiro deles assumiu, em 1996, como suplente, e foi efetivado em janeiro de 1997. Na Câmara dos Deputados foi presidente da Comissão Permanente de Finanças e Tributação, 1º-vice-presidente da Comissão de Finanças e Tributação, 1º-vice-presidente da Comissão Fiscalização Financeira e Controle e também 1º-vice-presidente da Comissão Externa de Subnutrição

ão de Crianças Indígenas. Estudou Engenharia, sem concluir o curso, na Universidade Santos Dumont, em Governador Valadares. Em 2013, concluiu o curso superior de Processos Gerenciais/ Administração na Unopar. Foi eleito com um total de 79.375 votos.
 
 
 
 
 
DIPLOMAÇÃO

Os 77 deputados estaduais eleitos para a 18ª Legislatura foram diplomados no final da tarde desta sexta-feira (19/12/14), em solenidade realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. Também foram diplomados o governador eleito Fernando Pimentel (PT) e seu vice Antônio Andrade (PMDB), o futuro senador Antonio Anastasia (PSDB) e seus dois suplentes e os 53 deputados federais mineiros eleitos em outubro. O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), deputado Dinis Pinheiro (PP), participou da solenidade.

A diplomação dos eleitos é prevista na legislação eleitoral e o diploma, documento oficial emitido pelo TRE-MG, é a condição para a posse no próximo ano. No diploma, além do nome do candidato, consta a indicação da legenda partidária ou coligação pela qual o eleito concorreu ao cargo.

Na 18ª Legislatura, que começa no dia 1° de fevereiro de 2015, a ALMG terá 26 novos deputados. Dos parlamentares da atual legislatura, 51 foram reeleitos. Os deputados estaduais que receberam maior número de votos foram Paulo Guedes (PT), Mário Henrique Caixa (PCdoB) e Leandro Genaro (PSB). Dos atuais deputados estaduais, dois se elegeram para a Câmara dos Deputados: Adelmo Carneiro Leão (PT) e Tenente Lúcio (PSB).

Também foram diplomados os suplentes do senador eleito Antonio Anastasia: Alexandre Silveira (PSD) e Lael Varella (DEM).

NOVO GOVERNADOR

Na solenidade, foi destacada a importância do fortalecimento da democracia e o papel da Justiça Eleitoral.

O governador eleito Fernando Pimentel se emocionou, durante seu discurso, ao lembrar o período da ditadura militar. Ele afirmou que a diplomação dos eleitos é uma celebração do voto popular, o mais importante instrumento da democracia e do qual emanam a legislação, as instituições e o regime político brasileiro.

Para Pimentel, a democracia brasileira mostra cada vez mais a sua força, sendo que as recentes manifestações isoladas que pediram a volta do regime militar e que não tiveram continuidade mostram o vigor do sistema democrático no País. “Hoje quem pede a volta da ditadura não corre o risco de ter seus direitos políticos cassados, de ser perseguido ou torturado, como foram as vítimas da ditadura. Eu sou parte dessa geração que se sacrificou pela causa da liberdade civil e da democracia, e por isso a minha emoção neste momento”, afirmou.

O presidente do TRE-MG, desembargador Geraldo Augusto, que presidiu a solenidade, falou sobre o papel da Justiça Eleitoral e destacou a tranquilidade e a segurança com que transcorreu o processo eleitoral neste ano. Para ele, a cada eleição ocorre um aperfeiçoamento da democracia brasileira.

O senador eleito Antonio Anastasia disse que a Justiça Eleitoral vem prestando serviços exemplares e trabalhando para a consolidação da democracia, sendo responsável por garantir o funcionamento perfeito do processo eleitoral. “O processo eleitoral brasileiro é eficiente, célere e confiável”, afirmou.

 

Deputado Estadual João Magalhães (PMBB) recebendo o diploma para o seu próximo mandato

 

 

Publicado em 22 de dezembro de 2014

 

 

 

Jornal Boca do Povo - DIREÇÃO JOÃO ROSENDO - Copyright 2010 - Todos os direitos reservados